E na abertura da matéria, diz, “Foliões pulam nos trilhos do metrô, tiram fotos diante dos trens, sentam na beira da plataforma com as pernas voltadas para o caminho dos vagões e estilhaçam janelas com chutes…”.

Não está e nem será fácil resgatar o Brasil de corruptos, idiotas, imbecis, e criminosos de toda a ordem.