DIÁRIO DE UM CONSULTOR DE EMPRESAS
02 OUTUBRO 2019. FRANCISCO MADIA.
“Com a síndrome do TWITTER, a prática do WHATSAPP, a precariedade do vocabulário, vamos nos convertendo num mundo e país onde as pessoas falam menos, e escrevem, pouco, e mal.
Nesse ritmo voltaremos aos tempos dos grunhidos…Nada, absolutamente nada, substitui o prazer de um encontro, de um abraço, aperto de mão, olhos nos olhos. E todo o amor que só um sorriso sincero, franco e espontâneo é capaz de transmitir…